Para você que usa Cropped ou Azulejo


Acompanhar o ciclo pelo qual o mundo da moda trafega te faz arriscar umas artimanhas de Guru, volta e meia. Assistir desfiles e identificar tendências passa a ser algo bem mais concreto quando você “pega o jeito”.

 

O negócio é o seguinte. As grandes marcas lançam, nos desfiles conhecidos como fashion weeks, as coleções que estarão em alta no ano seguinte. Aquelas que agradarem ao público – pode ter certeza – serão incorporadas às prateleiras das lojas de departamento num período de 12 meses.

 

Quer uma prova disso? Setembro de 2012, semana de moda de Nova Iorque. Balenciaga e Balmain exibem a barriga das modelos em suas criações de verão. O estilo, que não sai de uma vitrine atual de verão, pegou com o nome cropped.

 

 

Ainda, as coleções desfiladas no ano passado de inverno e verão de Valentino e Roberto Cavalli, respectivamente; traziam estampas mesclando o azul Klein (já aposta em algumas temporadas) com o branco (também em alta). Para harmonizar as composições eles utilizaram as formas das porcelanas chinesas e azulejos portugueses. Em 2013, os conjuntos desta estampa são hit desde a metade do ano.

 

 

E, é através destas observações, que o Even More quer lançar uma ideia. Diante de tudo que foi apresentado nos desfiles do ano de 2013, e que servirão de inspiração para as marcas no ano próximo, vimos que o conceito militar – tanto nos recortes, como nas cores – tem se destacado.

 

O jovem e promissor estilista Prabal Gurung adotou o militar em sua inteira coleção, assim como Haider Ackermann, no inverno 2013. Salvatore Ferragamo também surpreendeu quando numa colação supostamente de verão, trouxe roupas militares com ar pesado e de inverno. No Brasil, também não ficamos para traz com, mais recentemente, a Coleção Verão 2014 da Ellus, no SPFW.

 

 

Então, se quer investir em algo, sugerimos que seja naquele verde oliva, típico dos campos de batalha! Mas não se preocupe, ainda demorará algum tempo para vermos algumas peças nas araras das lojas. E você, acha que esta é uma boa sugestão?

 

Se você já aderiu, ou gosta da pegada militar, entre em contato coma gente, ou mande-nos uma foto, vamos adorar!

 

Previous O que esperar?
Next O olhar que registra

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *